Hotéis 14/03/2017 - 17h16

Fortaleza tem maior queda no valor da hospedagem em 2016

Relatório publicado pelo Hotel Price Index revela quais destinos tiveram maiores quedas nos preços das diárias em hotéis em 2016 quando comparados ao ano anterior. Capital cearense é destaque com maior redução
notícia 0 comentários
DictSql({'grupo': '', 'id_autor': 19007, 'email': 'lucianasantos@opovo.com.br', 'nome': 'Lua Santos'})
Lua Santos lucianasantos@opovo.com.br

Com as reviravoltas econômicas que o Brasil vem sofrendo, o sonho de viajar acabou ficando em segundo plano para muita gente. Mas aqueles que resolveram colocar o pé na estrada em 2016 se deu bem no quesito hospedagem. De acordo com o último relatório do Hotel Price Index™ (HPI™) da Hoteis.com™, divulgado nesta terça-feira (14), a média das diárias em hotéis permaneceram as mesmas ou diminuíram em 2016 em relação a 2015.

O HPI é um relatório anual sobre os preços dos hotéis nos destinos mais frequentados ao redor do globo, monitorando as mudanças nos valores que as pessoas realmente pagam pelas acomodações e fornecendo insights valiosos sobre os motivos por trás dessas mudanças. Os dados são formulados com base nas reservas feitas nas centenas de milhares de estabelecimentos no site da Hoteis.com ao redor do mundo.

Segundo o relatório, as tarifas médias pagas por viajantes brasileiros em hotéis pelo país caíram em 23 dos 25 destinos domésticos mais populares em 2016.

Capital cearense é destaque
Dentre os destinos que tiveram a maior queda de preços, Fortaleza se destaca, com uma queda de 12% na média do valor da hospedagem por noite. Foi registrada uma redução de 12% em relação a 2015, com os turistas pagando uma diária média de R, ante os R registrados em 2015.

Juntamente com a capital cearense, a cidade de Manaus também registrou uma baixa de 12% na média das hospedagens. Confira na tabela abaixo o valor médio do preço das hospedagens pelo Brasil em 2016 em comparação com 2015 (clique para ampliar):

 

espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

Vídeos

Um corpo de arte play

Um corpo de arte

anterior

próxima

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Mais comentadas

anterior

próxima