DIA DA SAUDADE 30/01/2017 - 13h13

Relembre o que mais faz falta da internet dos anos 1990 e 2000

As comunidades do Orkut, os joguinhos do MSN, as conversas do mIRC. Muita coisa na internet já deixou saudade
notícia 2 comentários
DictSql({'grupo': 'Revistas', 'id_autor': 19072, 'email': 'sabryna@opovo.com.br', 'nome': 'Sabryna Esmeraldo'})
Sabryna Esmeraldo sabryna@opovo.com.br
Ti Santi/Shutterstock

Tudo bem que a internet, hoje, pode realmente ser um “lugar” divertido para se estar, com todos os seus memes impagáveis, vídeos que viralizaram, blogs e canais do Youtube, além das inúmeras opções de redes sociais. Mas quem cresceu nos anos 1990 ou já tinha idade suficiente para usar o computador nos anos 2000 não pode negar que bate uma nostalgia quando falamos, por exemplo, de Orkut. E o que falar do MSN, melhor bate-papo que você respeita? Por isso, no Dia da Saudade, comemorado nesta segunda-feira, 30, as Revistas O POVO listam algumas das maiores saudades da internet.

Redes sociais, blogs de fotos, programas de música e softwares de downloads. As opções não eram tantas como hoje, mas já eram muitas, e alguns de seus recursos deixaram saudade. Se você cresceu nessas décadas lindas que foram 1990 e 2000, em relação aos avanços da tecnologia e da rede, relembre abaixo algumas dessas maravilhas que nos faziam correr para usar nossa internet discada. Se você é um jovem mocinho ou mocinha que cresceu nos anos 2000 e nunca ouviu falar nessas plataformas e programas, confere também e respeite a experiência de quem acompanhou tudo isso.

Gil C/Shutterstock
O Brasil foi um dos países com maior número de usuários no Orkut

Orkut
Muito provavelmente, quem hoje tem Facebook, passou antes pelo Orkut. A rede social foi criada em janeiro de 2004 pelo engenheiro turco Orkut Büyükkökten, como um projeto independente enquanto estudava na Universidade de Stanford e, mais tarde, enquanto trabalhava no Google. Embora seu alvo principal fossem os Estados Unidos, o Orkut tinha o maior número de usuários no Brasil - mais de 30 milhões - e na Índia.

Mas se temos o Facebook, por que sentir falta do Orkut?! Como assim?! Cadê páginas de scraps (mensagens) públicas, onde muitos escreveram “Recebido, lido, apagado”, enquanto tantos outros comemoravam se escrevessem a mensagem número 5.000 na página do coleguinha. Onde estão os depoimentos “Mal te conheço, mas já te considero ‘pacas’”? Só precisava ter cuidado de conferir se algum dos depoimentos não eram mensagens privadas. Já que o Orkut não tinha mensagem inbox, o jeito era mandar por depoimento e escrever um “NÃO ACEITA” bem grande, para o amigo não publicar a mensagem.

Para terminar a conversa sobre o Orkut, vamos falar da maior saudade que a rede deixou: as comunidades. Eram uma excelente forma de expressar sua personalidade (quem lembra das comunidades “Amo/sou”?) e demonstrar humor (“Manteiga dura quebra o biscoito”, “Nunca ganho no War”, entre outras). Além disso, os fóruns de discussões era muito bem trabalhados em algumas delas, com informações e links úteis. Em junho de 2014, o Orkut acabou, mas para quem quiser relembrar, o Google criou um museu com cerca de 51 milhões de comunidades que pode ser visto neste link.

MSN
Lançado em 1999, pela Microsoft Corporation, o MSN Messenger era um programa de mensagens instantâneas. Para utilizá-lo, era preciso baixar o programa e adicionar o e-mail dos contatos com quem você desejasse conversar.

Você podia colocar uma frase logo abaixo do nome. Na versão mais atual, podia até ligar o MSN a seu player de música e aparecia o que você estava ouvindo. Ainda não está convencido? Os emotions do bate-papo de hoje já existiam no MSN de ontem! E eram excelentes! Quer mais? Você podia jogar no bate-papo. Sim, jogar! Mandar áudios engraçados, fazer chamada de vídeo. A pessoa está demorando para te responder? Chama a atenção dela fazendo a janela da conversa tremer! Melhor bate-papo!

Como o MSN foi sendo substituído pelo bate-papo do Facebook e pelo Skype, a Microsoft optou por encerrar o messenger em outubro de 2014. Mas, com certeza, deixou saudades.

IRC
O Internet Relay Chat (IRC) foi uma das primeiras plataformas de comunicação. Documentado formalmente em 1993, foi criado em 1988 pelo programador finlandês Jarkko Oikarinen. Em 1993, chegou a ser usado durante a Guerra do Golfo para noticiar eventos em tempo real. Com a abertura comercial da Internet no mesmo ano, grandes redes de IRC surgiram, como EFnet, Undernet, mIRC (o mais popular) e T7DS. Em 1995, a plataforma se popularizou no Brasil, onde conquistou milhares de usuários.


Com o crescimento da popularidade dos mensageiros instantâneos com mais recursos e privacidade por volta de 2003, as redes IRC começaram a decair. A chegada do Orkut, com comunidades que possuem fóruns com sistemas de chat nos tópicos foi o golpe final. Mas muitos relembram das conversas no IRC com saudosismo.

Emule
Antes de os recursos do uTorrent conquistarem os usuários, o eMule era uma das melhores opções de programa de compartilhamento de arquivos através de cliente/servidor. Alternativa para quem desejava baixar músicas e outras mídias, o eMule foi lançado oficialmente em dezembro de 2003 e, até abril de 2010, já tinha sido baixado mais de 520 milhões de vezes.


Fotolog
Fotolog, Flog, Flogão. Os blogs de fotos foram muito populares no começo dos anos 2000, antes da chegada de redes sociais como Orkut, Facebook e, claro, Instagram. Inclusive, se pensarmos bem, a plataforma tinha um funcionamento similar, embora bem menos prático, de uma rede social, uma vez que os usuários podiam seguir outros blogs e comentar nas fotos. O sucesso foi grande e, em 2005, o Fotolog divulgou ser capaz de aceitar 1.000 novos membros por dia. No mesmo período, o site de fotografia gerava cerca de 750 milhões de vizualizações por mês.

Veja mais e relembre quatro redes sociais antigas que já fizeram muito sucesso mas que acabaram esquecidas pela maioria dos usuários aqui.

espaço do leitor
Ricardo Jorge 30/01/2017 17:39
Uau! Viajei!
Ricardo Jorge 30/01/2017 17:39
Uau! Viajei!
2
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

Vídeos

Especialista dá dicas sobre saúde masculina play

Especialista dá dicas sobre saúde masculina

anterior

próxima

Erro ao renderizar o portlet: Caixa Jornal De Hoje

Erro: [Errno 13] Permission denied: u'/home/presslab/public_html/ns142/arquivos/imgs/capas/2018-12-12_capa_populares_prez-61-77.jpg_tmp'

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Mais comentadas

anterior

próxima