Televisão 13/02/2012 - 01h30

As Brasileiras une produção sofisticada e apelo popular

Mesmo com verniz de produto nobre da programação, a nova série da Globo, no ar às quintas-feiras, busca conquistar o grande público
IQUE ESTEVES/ TV GLOBO
No próximo episódio da série As Brasileiras, previsto para ir ao ar nesta quinta-feira, dia 16, a atriz Suyane Moreira é a A Selvagem de Santarém


Produções de alto nível como a minissérie O Brado Retumbante ou o telefilme Homens de Bem revelam a intenção da Globo de ganhar mais em prestígio do que em audiência.


Com roteiros bem conduzidos, diálogos elaborados e atores emprestados do cinema -como Mariana Lima e Rodrigo Santoro-, os especiais costumam dar bom retorno de crítica, mas dificilmente caem na boca do povo.


Embora tenha o mesmo verniz de “produto nobre da programação”, com belo trabalho de direção, fotografia e elenco do primeiro time, As Brasileiras deixa claro que quer mesmo é falar com as massas.


A série dirigida por Daniel Filho tem como premissa “homenagear as mulheres lindas, batalhadoras e divertidas do nosso país”.


Nos 22 episódios da atração, elas serão representadas por estrelas como Fernanda Montenegro, Glória Pires, Patrícia Pillar, além de convidadas de grande apelo popular, como Ivete Sangalo, Xuxa Meneghel e Sandy.


Os primeiros capítulos exibidos nas duas últimas semanas tiveram protagonistas pouco originais.


A mulher traída que se vinga cortando o pênis do marido (Juliana Paes em A Justiceira de Olinda) e a solteirona que vive um amor platônico pelo chefe bonitão (Claudia Jimenez em A Inocente de Brasília) poderiam muito bem ser personagens de esquetes do Zorra Total.


Mas, graças à maneira charmosa como essas “brasileiras” foram apresentadas, envolvidas pelas paisagens marcantes das cidades que representam e um texto ágil, o clichê dos perfis não comprometeu o resultado final --simples, divertido, popular.


A pernambucana brejeira de Juliana Paes aumentou a expectativa em torno da Gabriela, de Jorge Amado, que a atriz se prepara para interpretar na Globo, em abril.


Já a parceria entre Claudia Jimenez e a veterana Suely Franco rendeu bons momentos cômicos, sem necessidade de piadas prontas amparando as cenas. Que venham mais brasileiras. (Dolores Orosco, da Folhapress)

 

SERVIÇO

 

As Brasileiras

O quê: Série da Rede Globo

Quando: às quintas-feiras, às 23h

Classificação: 16 anos.

 

0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor no:
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Erro ao renderizar o portlet: Barra Sites do Grupo

Erro: HTTP Error 404: Not Found

O POVO Entretenimento | Vida & Arte