ARTIGO 18/10/2016

Dia do Médico

notícia 0 comentários

No dia 18 de outubro é celebrado o Dia do Médico, profissional responsável por investigar, diagnosticar, prevenir e tratar doenças, garantindo assim qualidade de vida e bem-estar para os pacientes. Por estudar todo o corpo humano, a carreira de um médico é uma das que mais apresentam especializações dentre as demais profissões. Nesse sentido, uma dessas especialidades abrange a Medicina Reprodutiva, área que trata dos assuntos relacionados ao sistema reprodutor humano e que segue evoluindo no aperfeiçoamento dos métodos para solucionar problemas de fertilidade.

A partir da Medicina Reprodutiva, surgiu a “Reprodução Assistida”, conjunto de técnicas que auxiliam o processo de reprodução humana. O principal foco da medicina reprodutiva está em casais que, por algum motivo, não conseguem alcançar uma gestação desejada, o que pode ocasionar uma grande frustração para o casal%u200B e, consequentemente,%u200Buma maior responsabilidade para o profissional que lida com esses casos. O casal com subfertilidade requer atenção e cuidados redobrados devido à peculiaridade da situação que está vivenciando.


Tentar engravidar sem sucesso, impacta muito no bem-estar psicológico do casal. Além do cuidado técnico, é necessário que o médico especialista ofereça também um ótimo suporte psíquico ao casal, por vezes envolvendo outras especialidades auxiliares. Tudo com objetivo de prestar o melhor atendimento aos futuros pais. Portanto, independente da área de atuação, é necessário que o médico tenha sempre sensibilidade suficiente para perceber as necessidades de cada paciente que chega em suas mãos.


Para atuar em Medicina Reprodutiva, além da pós-graduação na especialidade, é fundamental atualização constante com estudo continuado e participação em congressos nacionais e internacionais, tendo em vista o avanço rápido dos conhecimentos, tecnologias e técnicas de reprodução assistida. Nesse sentido, acompanhando a evolução da área no Ceará, em 1999, ocorreu o nascimento do primeiro bebê de fertilização in-vitro (FIV) em Fortaleza. E os médicos desta especialidade foram os responsáveis por esse fato que foi o divisor de águas na Medicina Reprodutiva no Estado.

 

Fábio Eugênio Rodrigues

drfabioeugenio@gmail.com

Médico especialista em reprodução humana

espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Erro ao renderizar o portlet: Barra Sites do Grupo

Erro: HTTP Error 404: Not Found