[an error occurred while processing this directive] Não precisa de garrafão
ÁGUA MINERAL. ABASTECIMENTO A GRANEL 10/12/2016

Não precisa de garrafão

notícia 2 comentários
{'grupo': 'ESPECIAL PARA O POVO', 'id_autor': 19076, 'email': 'larissa.pacheco@opovo.com.br', 'nome': 'Larissa Pacheco'}
Larissa Pacheco larissa.pacheco@opovo.com.br
MARIANA PARENTE/ESPECIAL PARA O POVO
Ana Cristina é usuária do sistema da Blu, empresa de Henrique Hissa

Comprar água no garrafão e ter o trabalho de trocar já está se tornando coisa do passado. Em Fortaleza já existe o sistema de fornecimento de água mineral a granel - similar às centrais de gás prediais - oferecido pela Blu, empresa que desenvolveu o sistema.

 

De acordo com Henrique Hissa, proprietário da empresa, o custo de instalação gira em torno de R$ 700 a R$ 900. “Geralmente as construtoras oferecem esse serviços aos clientes como algo a mais, mas ele também pode ser instalado em prédios já construídos”, explica. Para isso, a empresa faz uma avaliação técnica e verifica a viabilidade da instalação. Além de prédios, o sistema também pode ser instalado em casas.


Para que seja feita a instalação em condomínios, é preciso que pelo menos 15 condôminos tenham interesse em adquirir o sistema. “Em um condomínio de 40 unidades, por exemplo, que 15 já quiserem aderir, o sistema já pode ser instalado, mesmo que os outros 25 condôminos não queiram”, afirma Henrique.


O abastecimento é feito por um caminhão que transporta a água mineral da fonte até os reservatórios instalados nos condomínios. Os reservatórios são feitos em aço inox, hermeticamente fechados e com tubulações 100% atóxicas. Mensalmente, o consumidor recebe laudos, auditados em laboratórios externos, atestando a qualidade da água mineral fornecida.


Os clientes assinam planos de 50 litros, 100 litros, 200 litros ou 300 litros, que custam a partir de R$ 34,90. Se o consumo exceder pacote do plano, será cobrada uma taxa a mais do cliente, mas o fornecimento de água não é cortado. Para ter noção do quanto já consumiu no mês, o cliente tem a sua disposição um medidor de consumo.


A água pode ser consumida no equipamento de consumo da Blu, com opções de água natural ou gelada. O serviço também pode ser acoplado a geladeiras side by side ou em torneira de consumo.


Para a designer Ana Cristina Branco, usuária do sistema há um ano que possui o plano de 300 litros, além da segurança, o equipamento garanta mais tranquilidade. “A grande vantagem é qualidade e a garantia, porque o cliente recebe o laudo para acompanhar. Além disso, a gente vive em uma correria onde comprar água e fazer a troca do galão demora, e a gente precisa de tudo que facilite”.


Cagece

Para quem não quer comprar o garrafão, outra opção é beber a água que chega às torneiras de casa, que é potável conforme a Cagece. A companhia afirma que são feitas análises de rotina em laboratórios operacionais, localizados nas estações de tratamento, e nos laboratórios regionais para garantir a qualidade da água distribuída em Fortaleza, Caucaia e Maracanaú.

 

Para que chegue própria para o consumo, a água que sai dos açudes passa por três etapas de tratamento. A primeira é a coagulação, onde é aplicado o cloreto de polialumínio. A segunda é de pré-oxidação, com a aplicação de dióxido de cloro. A última etapa do tratamento é a pós-cloração, que consiste na adição de cloro à água filtrada. Mas é preciso estar atento à manutenção da tubulação do condomínio.

 

Frase

"Além disso, a gente vive em uma correria, onde comprar água e fazer a troca do galão demora, e a gente precisa fazer tudo que facilite"
 

Serviço

 

Blu – Sistema de Água Premium

Onde: Rua Joaquim Nabuco, 1505, Aldeota

Telefone: 4020.9500

Site: www.sistemablu.com.br 

undefined

> TAGS: água condomínio
espaço do leitor
Daniel Monstro 15/12/2016 10:06
Por esse preço, fico no garrafão até o resto da vida.
Daniel Monstro 15/12/2016 10:04
Por esse preço, fico no garrafão até o resto da vida.
2
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

Erro ao renderizar o portlet: Caixa Jornal De Hoje

Erro: [Errno 13] Permission denied: u'/home/presslab/public_html/ns142/arquivos/imgs/capas/2018-11-16_capa_populares_prez-61-77.jpg_tmp'

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Jornal de Hoje | Imóveis