[an error occurred while processing this directive][an error occurred while processing this directive] Copa do Mundo acelera ampliação de banda larga no Brasil | Economia | O POVO Online
Internet 25/11/2013

Copa do Mundo acelera ampliação de banda larga no Brasil

Obras de infraestrutura de internet nas cidades sedes da Copa tem ficado pronto em oito meses
IANA SOARES
Banda larga melhor no entorno do Castelão deve melhorar
Compartilhar

A Copa do Mundo ajudou a encurtar em ao menos quatro meses o tempo médio de instalação das fibras ópticas da Telebras nas cidades que receberão as partidas de futebol. A infraestrutura, uma exigência da Fifa, contribui para o cumprimento de metas do programa federal para popularização da internet banda larga.

 

Obras necessárias para implementação do chamado PNBL (Programa Nacional de Banda Larga) costumavam esbarrar em burocracias dos governos locais, que contribuíam para retardar o processo, segundo a Telebras.


Com a proximidade da Copa - e para não fazer feio durante os jogos- Estados e municípios agora têm dado agilidade ao desembaraço dos projetos que viabilizam essas instalações.


“As sedes da Copa assumiram o compromisso e precisam dessa infraestrutura. Quando os projetos chegam nas prefeituras, eles ganham prioridade. Se não fosse a Copa, eles entrariam na fila normal da análise”, disse à reportagem o presidente da Telebras, Caio Bonilha.


Além de servir para levar sinal de internet, os cabos de fibra óptica são usados para fazer a transmissão de sons e imagens dos jogos em alta definição.


A Telebras é responsável por conectar os estádios a uma central com a fibra óptica. De lá, o sinal é distribuído pelas retransmissoras de TV.


Na maioria dos grandes centros, o que a Telebras precisa fazer é levar a fibra óptica até dentro dos estádios. Manaus e Cuiabá não tinham ainda nenhuma ligação de fibra óptica, e a estatal teve que levar o serviço até lá.


Pelo cronograma do PNBL, o governo precisa prover, até o fim de 2014, infraestrutura suficiente para conectar 40 milhões de brasileiros à rede de computadores. A Telebras estima que cerca de 75% do projeto já foi concluído.


O serviço é prestado por meio de pequenas empresas locais, que alugam a infraestrutura para vender sinal de banda larga a consumidores finais. Como o maior investimento é custeado pelo governo, a internet pode chegar na ponta com preço mais competitivo.

 

Prazos

Em média, o prazo para que esses projetos de infraestrutura sejam aprovados pelas prefeituras e implementados pela Telebras é de um ano. Nas cidades sedes da Copa, porém, o ficaram prontos em cerca de oito meses.

 

O andamento das obras esbarrava não só no tempo para aprovação dos projetos, mas na cobrança de sucessivas taxas pelos governos locais e na necessidade de levar energia para áreas distantes de grandes centros. (da Folhapress)

 

Serviço

 

Agência Nacional de Telecomunicações

Atendimento: 1332

Site: http://bit.ly/3c55R

Outras informações: Atendimento de segunda a sexta, nos dias úteis, das 8h às 20h.

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

Erro ao renderizar o portlet: Caixa Jornal De Hoje

Erro: [Errno 13] Permission denied: u'/home/presslab/public_html/ns142/arquivos/imgs/capas/2018-12-12_capa_populares_prez-61-77.jpg_tmp'

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Mais comentadas

anterior

próxima

Jornal de Hoje | Economia