"Bike Anjo" 09/09/2013

Voluntários da "Bike Anjo" ensinam crianças e adultos a pedalar

Voluntários da rede "Bike Anjo" ensinam crianças e adultos a pedalar. Para muitos, é a primeira oportunidade de realizar o sonho de andar de bicicleta
{'grupo': 'ESPECIAL PARA O POVO ', 'id_autor': 16673, 'email': 'geimisonmaia@opovo.com.br', 'nome': 'Geimison Maia'}
Geimison Maia geimisonmaia@opovo.com.br
FOTO: EVILÁZIO BEZERRA
Com a ajuda dos voluntários, Izabel, 70, pedalou pela primeira vez. "Não quero morrer sem aprender. É o meu grande desafio"
Compartilhar

 

Aos poucos, ainda apoiando os pés no chão, dona Izabel Lira buscava o equilíbrio na bicicleta. Aos 70 anos, era a primeira vez que aprendia a pedalar. “Não quero morrer sem aprender. É o meu grande desafio”, afirmava, ofegante. Na infância e adolescência, a família dela não possuía uma bicicleta. Os pais, zelosos, orientavam Izabel a não usar as bicicletas da vizinhança. “Para não derrubar e amassar”, explica.


Dona Izabel mora em Recife e veio visitar a filha em Fortaleza. Ao saber das aulas na praça Luiza Távora, não pensou duas vezes. “Ela é danada, desde nova”, comenta a bióloga Raiana Lira, 26, que fotografava a mãe durante a aula.


Já a psicóloga Melissa Viana, 41, não conteve a alegria ao ver a filha Nayana, 13, pedalando sozinha pela primeira vez. “No começo é difícil, mas achei legal”, diz a garota. Agora, a família já planeja a compra da primeira bicicleta. “É muito legal esse projeto”, ressalta Melissa.


O trabalho a que ela se refere é o da rede “Bike Anjo”. Os voluntários reúnem-se, uma vez ao mês, para ensinar crianças e adultos a dar as primeiras pedaladas. Os voluntários do grupo levam as bikes, que podem ser utilizadas por quem quer aprender. Tudo gratuito.


O apelido de “anjos” vem bem a calhar. Com muita paciência, eles dão as dicas para os alunos. Haja caminhada e corrida para garantir que eles não se machuquem. O advogado Celso Sakuraba, 26 - um dos anjos - informa que essa é a 6ª edição do projeto, promovido pelo Massa Crítica e Ciclovida. Além das aulas, também são dadas dicas sobre o funcionamento mecânico das bicicletas e de como os ciclistas devem se comportar no trânsito - para quem deseja utilizar a bicicleta para deslocamentos no dia a dia.


Inclusive, o grupo oferece um “anjo” para acompanhar quem for enfrentar o caótico trânsito de Fortaleza pela primeira vez., dando dicas de melhores trajetos - como uso, por exemplo, de ruas secundárias. A ideia é disseminar, cada vez mais, o uso das bicicletas em Fortaleza. O que significa menos poluição e trânsito e mais atividades físicas e qualidade de vida.

 

Serviço

Bike Anjo

Normalmente, as aulas ocorrem no segundo domingo do mês.

Onde: Praça Luiza Távora, a partir das 8 horas.

Para mais informações, acesse o site: http://bikeanjo.com.br

 

Dicas


Veja algumas dicas para pedalar pela Cidade

1. Evite as avenidas com grande movimento de veículos. Inicie as pedaladas em ruas secundárias.

 

2. Sempre sinalize quando for fazer mudanças de direção e sentido.


3. Procure trafegar pela faixa da direita. Mas atenção! Você não deve circular muito próximo ao meio-fio. Assim, você evita que os veículos tentem ultrapassá-lo sem mudar de faixa.


Veja mais dicas no site: www.vadebike. org

Compartilhar

Veja também

Ponto de vista
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Erro ao renderizar o portlet: Barra Sites do Grupo

Erro: HTTP Error 404: Not Found

Jornal de Hoje | Página Cotidiano