[an error occurred while processing this directive] Lagosta: alerta para o período do defeso - O POVO
O POVO Economia 17/12/2016

Lagosta: alerta para o período do defeso

notícia 0 comentários


A captura da lagosta é proibida no período entre primeiro de dezembro e 31 de maio. A medida tem o objetivo de preservar espécies comuns no litoral brasileiro, mas que estão ameaçadas.

 

Apesar disso, a lei continua sendo descumprida. O Sindicato das Indústrias de Frio e Pesca do Ceará (Sindfrio) alerta para a importância de se respeitar o defeso.


Para o consumidor, eis a recomendação: pode-se adquirir lagosta neste período, mas é preciso sempre exigir nota fiscal e cópia da declaração de estoque, na qual o comerciante informa que o produto foi capturado antes do período de proibição.


O Ceará é o maior exportador de lagosta do País, movimentando US$ 40 milhões no último ano. Para 2017, um dos objetivos do setor é ampliar a sua participação mundial e agregar valor ao produto. O Sindfrio realiza o Projeto de Melhoria da Pescaria de Lagosta (Prome), em conjunto com a organização CeDePesca (Centro Desarrollo y Pesca Sustentable), que analisa a estabilidade da produção.


Pelos dados levantados, o Sindfrio diz que a produção pode ser afetada pela pesca predatória e prejudicar a captura no período permitido por lei.


EXPANSÃO


PATENTE DE ÁGUA

A empresa cearense Blu, que trabalha com o Sistema Predial de Água Mineral, tem projetos de expansão para 2017. A companhia obteve patente do serviço de água mineral a granel conquistada junto ao INPI e agora quer ampliar sua atuação em outros estados. O sócio-diretor da Blu, Henrique Hissa, diz que a estratégia é investir nas franquias do sistema desenvolvido para fornecer água mineral predial, nos moldes das centrais de gás.


INVESTIMENTO


CEARÁ GANHA USINA DE ASFALTO

A companhia Único Asfaltos, que atua na comercialização de asfalto, e a empresa Fornecedora Máquinas inauguram hoje, a partir das 11 horas, a unidade Fornecedora Asfaltos Único Ceará. O projeto representa investimento de R$ 1,5 milhão e trabalha com uma tecnologia nova, que recicla asfalto e cria linhas de fabricação do produto que podem ser franqueadas.


Na foto, os empresários André Ribeiro, Nertan Ribeiro e Pablo Ribeiro, da Fornecedora Máquinas, que acreditam que o projeto ganhará dimensão internacional, devendo a tecnologia ser exportada para outros países.


APROVAÇÃO


DESTRAVAMENTO DA ZPE

A Comissão de Constituição e Justiça aprovou ontem o projeto de lei 5.957/2013, que altera as regras das ZPEs. A proposta cria 14 alterações nas regras atuais, como a redução das exigências de compromissos de exportação (de 80% para 60% ); a permissão para acumular incentivos tributários, no caso de empresas exportadoras instaladas nessas nas ZPEs, e para instalar empresas de serviço na área alfandegada.


Essa foi uma etapa importante para a aprovação final do projeto, que passará ainda pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania e depois seguirá para o Plenário da Câmara dos Deputados. Caso seja aprovada, a proposta retorna ao Senado Federal.


SUSPENSÃO DE LEILÕES


MERCADO SURPREENDIDO

O cancelamento do segundo leilão de energia de reserva, agendado para a próxima segunda-feira, surpreendeu investidores. Ontem, a direção do Sindienergia destacou que empresas internacionais esperavam este leilão para se instalar no Ceará. A previsão era de uma dinamização do setor para 2017 mas, com a decisão de cancelamento, alguns projetos estão comprometidos, havendo o recuo de empresas europeias.


BALANÇO POSITIVO


Câmara Brasil Portugal

O presidente da Câmara Brasil Portugal no Ceará (CBP-CE), Armando Abreu, faz um balanço positivo de 2016. A entidade manteve sua margem de crescimento, ganhando 26 novos associados ao longo do ano e fechou acordos de cooperação para a realização de eventos bilaterais entre as organizações, mesmo diante das dificuldades conjunturais brasileiras.


Em qualquer país o longo prazo é difícil de prever, com exceção de dois casos: a Noruega, onde o longo prazo é sempre previsível; e a Argentina, onde prever o longo prazo é simplesmente uma tarefa impossível”


Finn Kydland, economista norueguês, ganhador do Prêmio Nobel de Economia de 2004


RÁDIO

O POVO Economia da Rádio O POVO CBN (FM 95.5), a partir das 14 horas, de segunda a sexta.


TV

Você pode assistir ao programa O POVO Economia também através do portal: http://tv.opovo.com.br/opovoeconomia.

espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

o povo economia

RSS

o povo economia

Neila Fontenele

Atualização: Terça-feira a Sábado

TV O POVO

Confira a programação play

anterior

próxima

Economia

  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

Erro ao renderizar o portlet: Caixa Jornal De Hoje

Erro: [Errno 13] Permission denied: u'/home/presslab/public_html/ns142/arquivos/imgs/capas/2018-11-16_capa_populares_prez-61-77.jpg_tmp'

Newsletter

Receba as notícias da Coluna Abidoral

Powered by Feedburner/Google

O POVO Economia| Colunas Economia