FESTIVAL DO RIO. CINEMA 06/10/2014

Samba no pé e na tela grande

Em produções como Trinta e O Samba, o mais famoso gênero musical brasileiro ganha destaque no Festival de Cinema do Rio
notícia 0 comentários
{'grupo': 'ESPECIAL PARA O POVO', 'id_autor': 18815, 'email': 'paulorenatoabreu@opovo.com.br', 'nome': 'Paulo Renato Abreu'}
Paulo Renato Abreu paulorenatoabreu@opovo.com.br
DIVULGAÇÃO
Matheus Nachtergaele (foto) interpreta Joãozinho Trinta na cinebiografia dedicada à vida do carnavalesco
Compartilhar


As histórias vividas nos barracões das escolas de samba rendem inúmeras narrativas para o cinema. Os longas-metragens Trinta e O Samba, lançados semana passada no Festival de Cinema do Rio, são exemplos da nova safra de produções que focalizam o gênero musical que tanto identifica o Brasil mundo afora. Em comum, os dois filmes mostram bastidores do que é visto no Sambódromo quando o Carnaval chega.


Filmado por um francês naturalizado suíço, O Samba apresenta o gênero musical longe do clichê de “belas mulatas rebolando”. Georges Gachot tem como fio condutor o cantor Martinho da Vila e a relação dele com a escola de samba Vila Isabel. O documentário passeia por ensaios no barracão, mostra cenas na casa de Martinho e oferece depoimentos de amantes do samba.


No Rio, a sessão de estreia da obra reuniu Martinho, Beth Carvalho, membros da Velha Guarda da Vila Isabel e uma legião de apaixonados pelo samba.


“Dificilmente você acha um samba que seja completamente alienado. O samba tem uma coisa por dentro. Isso é uma característica do samba tradicional”, defendeu Martinho. Para o cantor carioca, “os sambistas sempre falam das suas mazelas, dos seus problemas, mas com doses de alegrias.”


Aplausos para Ney

Da tela, o depoimento de Ney Matogrosso foi celebrado pelo público presente no festival. “Qualquer artista brasileiro que almeje chegar o mais distante possível e penetrar mais profundamente dentro dos corações do Brasil tem que tocar samba”, defendeu o cantor. Para Ney, que se se diz “não sambista”, o gênero musical merece atenção não somente pelo ritmo, mas principalmente por suas letras.

 

Apesar de mostrar artistas brasileiros, como Martinho, Ney, Mart’nália, Lucy Brandão e Beth Carvalho, o longa dá destaque aos moradores da comunidade Vila Isabel. Orgulhoso, Georges Gachot resume: “Eu não queria mostrar o Carnaval como a coisa mais importante do samba. O mais importante no filme era mostrar as pessoas que fazem o Carnaval”.


Joãozinho Trinta

Também lançado semana passada no Festival do Rio, a cinebiografia Trinta traz o ator Matheus Nachtergaele interpretando o carnavalesco Joãozinho Trinta (1933 – 2011). O filme, que mostra o início da carreira de Joãosinho, teve estreia em noite de gala no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, justamente no palco onde Trinta estreou como bailarino. O longa conta a chegada do maranhense no Rio, o começo como dançarino e segue até a bem-sucedida estreia dele como carnavalesco na escola de samba Acadêmicos da Salgueiro.

A noite de estreia, que juntou grande parte do elenco do filme, foi de discursos emocionados. Matheus leu uma carta escrita para Joãozinho: “Eu fiz teu filme em homenagem, como quem faz uma oração. A vida, João, é uma guerra que você venceu para nós. Dizem que o aplauso é para chamar atenção dos deuses. Então...”. E uma chuva de aplausos tomou o primeiro palco de Joãozinho Trinta.

 

SAIBA MAIS


Obras

O filme Trinta terá estreia nacional em 13 de novembro de 2014. O longa apresenta recorte da vida do carnavalesco Joãozinho Trinta, que foi onze vezes campeão no Sambódromo.

Dirigido por Paulo Machline, Trinta constrói, com ajuda da ficção e em performance acertada de Mateus Nachtergaele, parte da carreira do sambista.


No elenco, há outros nomes de peso como Milhem Cortaz, Paola Oliveira e Fabrício Boliveira.


Já o documentário O Samba ainda não tem data para lançamento nacional.

 

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

O POVO Entretenimento | Vida & Arte