Deputados 29/03/2012

Câmara aprova Lei Geral da Copa

Projeto aprovado pelos deputados suspende a proibição de venda de bebidas alcoólicas em estádios durante o Mundial de 2014
Compartilhar

A Câmara dos Deputados aprovou ontem o projeto da Lei Geral da Copa suspendendo a proibição presente no Estatuto do Torcedor da venda de bebidas alcoólicas em estádios durante o período das Copa das Confederações de 2013 e do Mundial de 2014. Com o texto aprovado, estados e municípios que tem legislação próprias sobre o tema podem ter de alterá-las para atender à exigência da Fifa de que o comércio do produto seja permitido. O projeto seguirá agora para o Senado Federal.

 

A decisão sobre a bebida foi tomada em duas votações nominais. Na mais apertada, o governo venceu por 237 votos a 178. O debate foi o principal na reta final da tramitação do projeto. O governo federal chegou a negar a existência de um acordo com a Fifa sobre o tema. Recuou depois, mas se negou a apoiar o texto do relator, Vicente Cândido (PT-SP), que liberava expressamente o comércio do produto nos estádios. Na visão dos próprios líderes governistas, estados e municípios que tem lei contra a venda de bebida terão de mudar suas regras. “Minha interpretação é que vai ter que mudar”, diz Jilmar Tatto (SP), líder do PT.


O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, porém, acredita que o problema está resolvido. Na visão dele, as leis estaduais e municipais estariam subordinadas à norma federal. O ministro, inclusive, disse ontem que a Fifa nunca reclamou da decisão do governo no tema.


As alterações no texto votado pela Câmara foram feitas até a última hora. Ontem, decidiu-se que 10% dos ingressos para jogos do Brasil terão de ser vendidos a preços populares na chamada categoria 4, na qual as entradas deverão custar cerca de U$25,00 Esta categoria é destinada a idosos, estudantes e beneficiários do programa Bolsa Família e terá 300 mil ingressos na Copa do Mundo de 2014 e 50 mil na Copa das Confederações de 2013.


Foi mantida no texto a previsão de se decretar feriados nacionais em dias de jogos do Brasil. (da Agência Estado)

 

Tema do Dia

A aprovação da Lei Geral da Copa é o "Tema do Dia" na cobertura de hoje dos veículos do Grupo de Comunicação O POVO. Ao longo do dia, vamos detalhar e repercutir com nossa audiência os principais pontos aprovados pela Câmara dos Deputados. Na TV O POVO (UHF 48, NET 23, TV Show 11), o programa Trem Bala, apresentado pelo jornalista Alan Neto, vai discutir o assunto. O programa começa ao meio-dia. Na rádio, a cobertura se dará com entrevistas no programa Revista O POVO/CBN, que começa às 15h. Amanhã, o jornal O POVO traz cobertura especial sobre o assunto. Os internautas também podem colaborar com a discussão, acessando as mídias sociais do Grupo (Twitter e Facebook) e o "Fórum do Dia" na seção Você Faz O POVO, do portal O POVO Online. 
 

 

Compartilhar
espaço do leitor
souzarabelo10 29/03/2012 11:23
Acorda que acordo é acordo.E alguém ainda tinha dúvidas?.Tudo o que foi acordado com a FIFA vai ser cumprido.Ou não tem copa.Até podemos estar no pais do futebol,mais a Europa controla tudo através da entidade FIFA,e lá tem um comando que incomoda,e sempre que um país se habilita a fazer a festa cop
Este comentário é inapropriado?Denuncie
João Lopes 29/03/2012 11:20
Retrocesso vergonhoso, o Brasil passa Reino Unido e se torna 6ª maior economia, mas jamais vai deixar de ser colônia se continuar a se submeter a interesses como este da FIFA. O que tem em comum esporte e bebida alcoólica? SOBERANIA BRASIL NÃO É AMONTOAR DINHEIRO!
Este comentário é inapropriado?Denuncie
João Lopes 29/03/2012 10:50
Retrocesso vergonhoso, o Brasil passa Reino Unido e se torna 6ª maior economia, mas jamais vai deixar de ser colônia se continuar a se submeter a interesses como este da FIFA. O que tem em comum esporte e bebida alcoólica? SOBERANIA BRASIL NÃO É AMONTOAR DINHEIRO!
Este comentário é inapropriado?Denuncie
carlos 29/03/2012 10:00
A subserviência brasileira é absurda e vem de a muito tempo.Povo SEM IDENTIDADE NÃO É POVO, É UMA MASSA DE VIVENTES SEM IDEOLOGIA E NEM FUTURO.É UMA PENA. A ESCRAVIDÃO CONTINUA.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
4
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS