Gonzaguinha 13/07/2012

Prefeitura exonera diretor de hospital ligado ao PSB

A indicação do nome de Geraldo Magela para a direção do Gonzaguinha da Barra do Ceará havia sido feita pelo vereador Elpídio Nogueira, ex-aliado
MAURI MELO
Em foto de arquivo, a rotina do Hospital da Barra do Ceará
Compartilhar


Em meio ao rompimento entre PT e PSB em Fortaleza, a demissão do diretor do Hospital Distrital Gonzaga Mota (Gonzaguinha) da Barra do Ceará, Geraldo Magela, pode significar uma represália petista ao ex-aliados.


O diretor, que foi exonerado por decisão da Prefeitura de Fortaleza, foi indicado para o cargo pelo vereador Elpídio Nogueira (PSB), um dos parlamentares mais ligados ao governador Cid Gomes no PSB.


Elpídio está na campanha do candidato cidista Roberto Cláudio (PSB), enquanto o PT de Luizianne está na disputa com Elmano de Freitas.


A indicação, segundo o vereador, foi feita em razão da competência de Magela, que teria transformado o hospital no melhor dos Gonzaguinhas de Fortaleza em condições de atendimento à população da Capital.


“O hospital estava passando por dificuldade, então o indiquei. Ele tem pós graduação em Gestão Hospitalar e mestrado em Administração. É um técnico altamente competente e preparado para administrar qualquer hospital”, explicou Elpídio, que, além de parlamentar, é médico.


De acordo com vereador, que assegura que a sua relação com Magela não é política, se a decisão da Prefeitura tiver sido motivada por represália, o que lhe resta é lamentar.


“Quem sai perdendo é o hospital e o povo da região, o que é lamentável. Até porque isso não é maneira de tratar parceiros que foram aliados até pouco tempo”, criticou.


Loteamento de vagas

Ontem, foi cogitado que a vaga seria ocupada por uma pessoa próxima ao vereador Carlos Mesquita (PMDB), que, mesmo que o seu partido tenha decidido apoiar outra candidatura que não a do petista Elmano de Freitas, continua como forte aliado da prefeita Luizianne Lins (PT).

 

Por meio da assessoria de imprensa, a Prefeitura garantiu que o novo diretor do hospital, Francisco Antônio Martins Barbosa, não tem nenhuma relação com Mesquita e que ocupa o cargo interinamente. Um outro nome, ainda indefinido, deverá ser indicado para a direção da unidade de saúde.


A assessoria detalha que a exoneração ou admissão de funcionários que ocupam cargos comissionados e de confiança na Prefeitura de Fortaleza é prorrogativa exclusiva da prefeita Luizianne Lins.


O POVO ligou na noite de ontem para o celular de Mesquita três vezes, mas nenhuma ligação foi atendida. (Ranne Almeida - ranne@opovo.com.br)

 

Quando


ENTENDA A NOTÍCIA


A demissão do diretor do hospital Gonzaguinha ocorre durante a campanha eleitoral, poucos dias depois da dissolução da aliança da petista Luizianne Lins com ex-partidos da sua base aliada

 

SERVIÇO

 

A Prefeitura de Fortaleza mantém, na Internet, a lista dos equipamentos de saúde do Município.

Endereço: http://www.sms.fortaleza.ce. gov.br/

Contato: (85) 3452.6604

 

Compartilhar
espaço do leitor
Glaucio Oliveira 14/07/2012 23:07
Prefeita demita também a turma do partido chupa cabra (PMDB).
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Bishop 13/07/2012 20:14
O FISIOLOGISMO É UMA PRÁTICA TÃO ANTIGA QUANTO A REPÚBLICA. MAS FOI NO GOVERNO DOS PTRALHAS QUE ESTA PRÁTICA TORNOU-SE INSTITUCIONALIZADA. A DEMISÃO DO DIRETOR DO GONZAGUINHA NÃO FOI NEM DE LONGE UM COMBATE AO FISIOLGISMO E SIM UMA COMPROVAÇÃO DE SUA EXISTENCIA NO GOVERNO DOS PTRALHAS.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Marcos Bentes 13/07/2012 19:47
Pastas Educação e Saúde deveriam ser geridas por um Conselho formado por pessoas independentes do gestor Municipal. Se houvesse alguma coisa de errada por esses conselhos TERÍAMOS O JUDICIÁRIO para corrigir. Mas não podemos admitir esse loteamento (isso tá longe de ser incluido na reforma politica)
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Marcos Bentes 13/07/2012 19:43
OLIVEIRA , então seria diferente se fosse o PSDB ou o PSB? É diferente lá no governo estadual (várias secretarias ocupadas HOJE por gente do PT). O que eu disse não entra no mérito - não se discute aqui isso -, mas sim que todos são assim (INFELIZMENTE).
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Oliveira 13/07/2012 16:27
Mandar embora os encostados nos órgãos públicos da prefeitura, isso a Luizianne Lins e a turma do PT não faz! Só na Etufor tem um monte de apadrinhados ganhando mais até do que os concursados do órgão! É a indústria dos cargos de confiança e dos apadrinhamentos! Tinha antes, mas o PT turbinou!
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Ver mais comentários
15
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS