Debate 20/08/2013

Fortaleza sedia encontro dos programas Jornal e Educação

O encontro reúne coordenadores de programas de diversos estados brasileiros para a troca de experiências
Compartilhar


O jornal ganha as salas de aula e passa a ser ferramenta pedagógica para a leitura, a escrita e a análise crítica do mundo e da própria mídia pelos alunos e professores envolvidos no processo. No Brasil, os jornais que participam dos Programas Jornal e Educação (PJE) realizam ações e oficinas para os caminhos indissociáveis da mídia e da educação.


Para trocar experiências sobre a iniciativa, será realizado, até a próxima sexta-feira (23), o Encontro Anual dos Programas Jornal e Educação, em Fortaleza. Além dos jornais locais, participarão coordenadores dos programas de Brasília, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Bahia, Espírito Santo, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Minas Gerais.


O evento é uma iniciativa da Associação Nacional de Jornais (ANJ) em parceria com os jornais O POVO e Diário do Nordeste, que possuem programas relacionados à educação há mais de 10 anos. Segundo Carlos Eduardo Eagle, coordenador pedagógico do programa O POVO na Educação, o encontro é uma oportunidade para conhecer outros projetos e ampliar as discussões com palestras.


O programa O POVO na Educação realiza oficinas pedagógicas com os professores, além de levar o jornal para salas de aula de diversas escolas e municípios cearenses. Ações como o Recreio O POVO e os Correspondentes O POVO (que reúne alunos de escolas públicas e particulares, que enviam notícias e colaborações para o Jornal do Leitor) também fazem parte do projeto.


A coordenadora nacional do PJE, Cristiane Parente, analisa que os veículos de comunicação, as escolas e outros ambientes educativos vêm percebendo a importância da relação da comunicação com a educação e das crianças e adolescentes terem uma relação crítica e construtiva com a mídia.


Para ela, os programas vão além do estímulo à leitura do jornal, estimulando a leitura do mundo, do contexto em que os alunos estão inseridos e da forma como isso é abordado na mídia, colaborando assim para a formação de cidadãos participativos.

Comunicação


Outro ponto importante do evento são as palestras com profissionais da área de comunicação e infância, que abordarão temas como o fanzine, a programação televisiva para a infância e a tecnologia.


Serviço

Para conhecer mais sobre os Programas Jornal e Educação, acesse:

http://migre.me/fNPZC

http://migre.me/fNPU2


Programação

 

20 de agosto (hoje)

8h30min: Visita ao O POVO e ao Diário do Nordeste;

14h: Mesa de abertura e apresentação dos coordenadores e troca de materiais;

 

16h às 18 horas: Mesa sobre Tecnologia com profissionais do O POVO e do Diário do Nordeste

21 de Agosto

9h: Mesa Redonda;

 

9h às 9h30min: Comunicação e Cultura (Daniel Raviolo);


9h30min às 10 horas: Catavento Educomunicação (Edgar Patrício e Luana Amorim);


10h30min às 11h30min: Experiência com jornal e leitura no município de Horizonte/CE – O POVO na Educação (O POVO); Experiência com jornal e leitura do município de Ocara/CE - Jornal na Sala de Aula (Diário do Nordeste); Experiência dos Correspondentes Escolares O POVO;


11h30min às 12 horas: Debate;


14h30min – Jornal, Educação e Ensino Superior (Plínio Bortolotti);


16h às 18h: Minicurso com Ana Márcia Diógenes


22 de Agosto

9h às 10 horas: “Qualidade na Programação Infantil da TV Brasil” (Inês Vitorino e Andréa Pinheiro) ;

 

10h às 10h30min: Como o PJE pode realizar uma pesquisa;


11 horas: Lançamento do livro “Educomunicação Redes e Interatividade”;


14h às 18 horas: Minicurso sobre Fanzine (Fernanda Meireles);

 

23 de Agosto

7 horas: Visita ao Ipark;

 

16 horas: Visita ao Museu da Escrita

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Jornal de Hoje | Página Cotidiano