Ombudsman 07/02/2012 - 14h25

Emérita

notícia 0 comentários
Compartilhar

Adísia Sá inaugurou a função de ombudsman no O POVO em 1994, sendo reconduzida no ano seguinte. Voltou a exercer a função por outras duas vezes, em 1997 e 2000, sendo nomeada ombudsman emérita do jornal. Também foi ombudsman da rádio AM do Povo nos anos de 1998 e 1999.

A professora Adísia, tratamento que todos lhe dedicam, tem 50 anos de jornalismo, completados em 2005. O primeiro curso de Jornalismo no Ceará surgiu a partir de sua iniciativa, organizando o grupo fundador do curso de Comunicação Social da Universidade Federal do Ceará (UFC), na qual aposentou-se. Formou várias gerações de jornalistas na UFC, universidade da qual é professora emérita.

Iniciou a sua carreira na Gazeta de Notícias, passou pelo O Estado, O Dia, até fixar-se no O POVO, no qual continua até hoje escrevendo um artigo semanal. Foi comentarista em várias emissoras de televisão, atividade que continua a exercer diariamente na AM do POVO.

A jornalista também ocupou diversos cargos de direção em entidades de classe, em diversos mandatos: Associação Cearense de Imprensa, Sindicato dos Jornalistas do Ceará e Federação Nacional dos Jornalistas.

Escritora, publicou "Metafísica para quê?", "Fenômeno Metafísico", "Introdução à Filosofia", "Ensino de Jornalismo no Ceará", "Biografia de um Sindicato" (sobre o Sindicato dos Jornalistas do Ceará), "Capitu conta Capitu" (no qual a história de "Dom Casmurro", o livro de Machado de Assis, é contado sob a perspectiva da personagem feminina), "Clube dos Ingênuos" (a respeito de sua experiência como ombudsman) , "Traços de União" (sobre o fundador do O POVO, Demócrito Rocha, sua família e de pessoas que lhe eram próximas) e "O Jornalista Brasileiro". Em parceria publicou "Ensino de Filosofia no Ceará" (coordenadora), "Fundamentos Científicos da Comunicação" (coordenadora) e "Ombudsmen/Ouvidores: Transparência, Mediação e Cidadania" (coletanea de textos sobre o assunto).

É licenciada em Filosofia Pura pela Faculdade Católica de Filosofia, agregada à Universidade Federal do Ceará, e livre docente com grau de doutor em Filosofia e Comunicação, pela Universidade Federal Rural de Pernambuco.

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:

Ombudsman Atual

Tânia Alves é formada em Comunicação Social pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e em Serviço Social pela Universidade Estadual do Ceará (Uece). Trabalha no O POVO há 26 anos. Em 2015, ocupará o cargo de ombudsman após oito anos como editora-executiva do Núcleo de Cotidiano, que engloba as editorias Cotidiano, Esportes e Ciência & Saúde.

Tânia Alves
Ombudsman do jornal O POVO

  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS